Fim de Tarde Virtual comemora um ano de muita música

Quem está com saudade do nosso Fim de Tarde na sede da DS Recife? Infelizmente, ainda não podemos aglomerar. Mas, enquanto isso, os colegas matam um pouco da saudade dos encontros de forma virtual. E não é que esse formato já fez um ano?

Diante da pandemia por Covid-19, os colegas que organizavam os eventos mensais na sede da DS, encontraram no grupo de WhatsApp, a solução para não parar o momento cultural. O que era apenas um grupo para troca de mensagens, virou de apresentações musicais. E o que era mensal, passou a ser uma vez por semana, sempre aos domingos.

“A minha ideia foi para que cada integrante gravasse um vídeo cantando, tocando um instrumento, ou declamando, entre outras manifestações artísticas, e compartilhasse no grupo”, explicou Paulo Emílio, Auditor-Fiscal aposentado. “É uma forma de manter acesa a chama do nosso Fim de Tarde”, completou.

O espaço virtual é aberto a todos que amam a música.  E, durante algumas datas importantes, os músicos fazem homenagens temáticas, como por exemplo, ao Dia das Mães, dos Namorados, dos Pais, São João,  entre outras datas festiva e também, homenagens a artistas.

Atualmente, o grupo do Fim de Tarde virtual é formado pelos colegas Zé Maria, Fernando Pinheiro, Paulo Emílio, Alexandre Buarque, Geraldo Pinheiro, Kleber, João Câncio, Hélder, Emílio e Luiz Carlos, que se revezam nas apresentações.

A mudança do ambiente físico para o virtual trouxe junto muitos desafios aos colegas, mas também foi um momento de muito aprendizado. “A aceitação desse novo formato foi muito boa. As dificuldades iniciais nas gravações foram superadas com o uso da câmera na posição horizontal, do suporte para colocar o celular, microfone lapela para captar com mais qualidade a voz e o som do instrumento”, lembrou Paulo Emílio.

Para Fernando Pinheiro, diretor de Assuntos de Aposentadoria, Proventos e Pensões, o formato virtual do Fim de Tarde foi “necessário para manter a chama acesa. Além disso, estimula e faz com que nossos músicos se aperfeiçoem e formem repertório”. Fernando Pinheiro, além de diretor, é integrante do grupo do Fim de Tarde virtual.

O Fim de Tarde acontece há 10 anos, desde maio de 2011, na sede da DS Recife, mas com a pandemia, os encontros foram suspensos.

                  

 

 

0 respostas

Deixe uma resposta


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *